Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2013

BOA PÁSCOA

com os ovos Martha Stewart  Fotos: reprodução

PARA A MINHA PRINCESA:::

São  BOLOS E BOLINHOS DA MARIA feitas com muito carinho e amor para adoçar a Páscoa da minha Princesa. Eu escolhi coelhinhos e bolachinhas azuis e cor de rosa mas existe aqui mais variedade pois... com a criatividade de uma alma de artista a oferta não tem limites.  Contacte  bolosbolinhosdamaria@gmail.com  e tenha um bolo ao seu gosto e medida!

PASSEIO MATINAL

no jardim seguido de bom almoço

AROMAS AO FIM DA TARDE...

... em vagarosos instantes e cuidados!!!      

FELIZ DIA MUNDIAL DO TEATRO

As pancadas de Molière (origem): "Dez minutos antes de começar o espetáculo toca o primeiro sinal. Cinco minutos depois, toca o segundo. Quando toca o terceiro, aí, sim, as luzes se apagam, abrem-se as cortinas e o silêncio, assim sugerido, dá espaço à viagem, na qual tudo é possível: o público mostra-se visivelmente preparado para embarcar, a história é contada, a mensagem é lançada e os artistas, consequentemente, já estão concentrados para encarnar os personagens. Por mais estranho que possa parecer, tudo tem uma origem e esses sinais têm uma história. No teatro vicentino, os sinais eram manifestados através de gritos. Já no século XVII, na França, criado por Molière, foi batizado de “as pancadas”. Naquela época, a plateia francesa era barulhenta e agitada, as peças tinham uma cena inicial para acalmar o público e impor o silêncio. Com o mesmo objetivo, Molière criou as suas três pancadas, usadas até hoje para avisar à plateia que o espetáculo vai começar."

PARA BEM COMEÇAR O DIA...

... com Cor e Muita Energia !!!

O Presente da Primavera...

... que se quer florida apesar da chuva que teima em fazer parte desta estação!!!  

IDEIAS GIRAS PARA A PÁSCOA!

  Para aproveitar este dia de chuva que tal dedicar-se a preparar umas surpresas para a Páscoa que se aproxima?? Os achados da Bia sugerem ideias giras , como este ovo de páscoa que envia mensagens criativas . Inspire-se neste DIY.     Materiais: - 1 aquerela com várias cores - 1 pincel - 1 ovo (pode ser branco ou o escurinho) - 1 lápis - 1 estilete - 1 folha de papel - 1 prego - 1 caixinha Como fazer: 1. com o prego, fure a base do ovo e faça um buraco com expessura de o tamanho pequena a média; 2. pelo buraco deixe escorrer todo o conteúdo de dentro do ovo em uma vasilha e lave com água com sabão, com cuidado, para lavar e remover os resíduos; 3. depois de seco, pinte o ovo bem bonito e colorido com a aquarela e o pincel; 4. com o estilete corte um filete da folha (lembrando que o tamanho desse filete será o tamanho da frase que você irá escrever); 5. escreva uma frase inspiradora, ou até mesmo uma engraçadinha; 6. enrole o papel como se fosse um canudo bem

ELa voltou!

.... é de tal forma um dia de inverno que nem apetece tomar café lá fora! ... a parte boa desta chuva : fico com o carro lavadinho! Boa :o ) Source: Uploaded by user via Criatividadeahsolta on Pinterest

CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE

Que Pessoa era? Como Viveu? Fundamentalmente, foram estas as questões que hoje ouvi dar testemunho, por quem de perto com o poeta conviveu!  Arnaldo Saraiva, orador no Ciclo Clássicos da Poesia Brasileira do séc. XX que decorre no CCB, deu-nos a conhecer o homem por trás do poeta, revelando o lado mais intimo  da sua forma de ser e estar, enquanto pessoa e os ciclos enquanto poeta. Faleceu em 1987, quinze dias após a morte da sua filha Julieta, por quem nutria enorme dedicação, perdendo a sua vida o sentido com a ausência da filha querida. Traço recatado, seco e orgulhoso! Não gostava de viajar. Formado em farmácia, por desígnio familiar,  nunca chegou a exercer! Foi funcionário público. Deixou obra extensa. 30 livros de Poesia. Mas também de Prosa. Encontramos a sua obra poética em Poesia Completa, 2002 . Era um Poeta de elites. Mais tarde popularizou-se. Gerou muitas controvérsias e teceram as maiores criticas ao seu poema : No meio do caminho tinha uma pedra , o qual efet

As tentações do estaminé

UM DOMINGO CULTURAL

E depois de alimentar o espirito .... o estômago também precivava de alimento. Ali a dois passos temos Le Chat (um edificio premiado), com aquela vista sobre o Tejo. Um dia de sol! Olho a carta de sanduíches, paninis e tostas e a minha escolha vai para a tosta de cogumelos portobello e queijo da ilha. Humm , à 1ª dentada delicio-me com aquele sabor forte do mix cogumelos e queijo da ilha derretido, em pão alentejano, barrado a manteiga. 

FÁBULAS

A VISITA DA VELHA SENHORA

 Uma cidade arruinada espera a visita da mulher mais rica do mundo. Para os habitantes todas as esperanças se concentram na possibilidade de um resgate que refinancie a economia local e permita à cidade viver o conforto e a opulência que já conheceu. A visita parece correr bem, tudo parece apontar para que o resgate aconteça. Porém o preço a pagar é demasiado elevado e há-de faturar a sociedade local! Esta história é-lhe familiar??? Pois a mim suscitou-me curiosidade!  Em que medida uma peça, escrita em 1956, por Friedrich Durrenmatt, dramaturgo suíço de língua alemã, poderia permanecer tão atual!???  Fui ver! Teatro São Luíz , 21h.  Nesta comédia trágica, só as duas personagens principais possuem nome: Alfred Ill e Clara Zachanassian. Todos os outros são tipos (o professor, o médico, o padre, o polícia) ou têm alcunhas absurdas (Roby, Loby, Koby, etc). Maria João Luís interpreta magnificamente  Clara Zachanassian*, Clarinha, a menina de tranças ruivas que, desprezada,

"MUNDOS AO MUNDO vamos mostrar..."

... este é o mote da exposição patente no Museu do Oriente até dia 24 de Março. POLARIS "MUNDOS AO MUNDO é uma EXPOSIÇÃO INCLUSIVA, organizada pela Fundação AFID Diferença, na qual estão expostos trabalhos de artistas com deficiência e trabalhos de 19 artistas convidados e conceituados no mercado, no domínio das artes plásticas e artesanais ( desenho, pintura, fotografia, escultura, cerâmica, joalharia , tecelagem, entre outras).  "POLARIS  assente no principio da INCLUSÃO e procura proporcionar um enriquecimento institucional, técnico e material que possibilitem dar expressão a um conjunto de valores que orientam o trabalho da Fundação: solidariedade, inclusão, dignidade, oportunidade, colaboração; e também fomentar as relações de parceria que acabam por surgir como modelo natural deste projeto". Uma exposição a não perder! Estive lá no dia da inauguração e saí de lá com alegria no coração e um mundo interior mais enriquecido pela partilha de tão diversas