Avançar para o conteúdo principal

DESTE SEC. XXI

Vivem-se tempos de incerteza face às mudanças sociais, económicas, politicas e laborais:
  • aumento da pobreza que afeta um número cada vez maior de famílias;
  • retração do Estado em matéria de proteção social,
  • aumento da incerteza para os cidadãos;
  • diminuição dos recursos públicos para a ação;
  • precarização do trabalho;
  • emergência de uma filosofia responsabilizadora do indivíduo e separada do contexto global em que emergem e se mantêm os problemas e as necessidades sociais;
  • um quadro que se caracteriza pelo regresso à filantropia e à  ajuda pontual e emergencial, pondo em causa os direitos sociais que constituíram a marca da Europa e das sociedades democráticas do século XX.

Comentários