Avançar para o conteúdo principal

HOMENAGEM COMOVENTE AOS CÃES HEROIS DO 11 SETEMBRO

 
Cerca de 100 incansáveis cães de busca e salvamento deram o seu melhor na tragédia do World Trade Center, dia 11 de Setembro de 2001, onde mais de três mil pessoas perderam a vida.
 
Em 2001, dez anos depois, apenas 12 desses cães ainda estavam  vivos, vítimas do próprio tempo. A fotógrafa Charlotte Dumas foi à procura de cada um deles e fotografou-os, nas suas casas onde viviam com os seus treinadores. O resultado foi publica do no livro “Retrieved“, em comemoração do décimo aniversário do ataque às torres gémeas.
 
“Senti que isto [10º aniversário da tragédia] era um ponto de viragem, especialmente para os cães, que apesar de não serem esquecidos, as suas histórias não foram tão proeminentes como as histórias das pessoas envolvidas” Charlotte Dumas
 
Atualmente nenhum destes cães se encontra vivo. Este livro justamente  perpetua-lhes a memória .

Comentários

Mensagens populares deste blogue

A CELEBRAR A AMIZADE

As/os amigos/as são a família que escolhemos e trazemos no coração. Curiosamente... no mesmo dia em que combinamos um almoço, recebo bem cedinho a  noticia que somos amigas "facebookeanas" há  6 anos! ... Longe do virtual celebramos uma amizade Real, onde não faltam as surpresas. Sim . Fui completamente surpreendida pela minha amiga secreta no Bootcamp . Mimou-me com a sua energia, entusiasmo, motivação e a capacidade de dar vida às muitas Ideias Ilimitadas. Hoje foi uma amizade celebrada em modo sushi ,  quarteto dos risos e bons almoços. Quando o Sol brilha, as Ideias saem do Armazém e desfilam de modo Fashion , cheias de Criatividade .

São cristais Cinza ...

É Minha... , upload feito originalmente por Criatividade à Solta . ... e esta ficou para mim!!!

OS OUTROS

Dei-me conta que , em termos fotográficos, o meu registo vai para paisagens ou retratos.Também gosto de grandes planos. No entanto, há outros olhares fotográficos. O olhar de fourdogs4me vai para pormenores fotografando pequenos objectos, flores , pequenos nadas dos quais faz lindissimas fotos. Precisamos dos outros para ver a vida de outra perspetiva , ou para darmos importância a outros aspectos da mesma. Como diria o principezinho precisamos mudar a direcção do nosso olhar. Assim, mudando a direcção do meu olhar aqui fica um novo registo fotográfico.